Marketing no Snapchat: guia para marcas no Snapchat

A rede social Snapchat vem ganhando cada vez mais adeptos e força nas estratégias de comunicação e marketing das marcas. Mas como fazer marketing no Snapchat?

O Snapchat é um canal de possibilidade de interação com seu público, autenticamente mobile (conceito que vai além do mobile first) e com um volume imenso de pessoas diariamente.

Marketing no Snapchat: um guia para marcas

Snapchat Marketing: porquê você deveria se importar

Apesar de ser representado por um fantasminha amarelo, o Snapchat é na verdade um monstro de publicação de conteúdo e interação.

Basta saber que o Snapchat já tinha 110 milhões de usuários ativos todos os dias em Dezembro de 2015 e isso havia representado um crescimento de estrondosos 50% em um ano. O número de 2016, quando publicado, deverá ser ainda mais impressionante.

Por dia são visualizados mais de 10 bilhões de vídeos no Snapchat, enquanto no todo poderoso Facebook eram 8 bilhões no mesmo momento (Dezembro de 2015). A questão é que o Facebook tem bilhões de usuários, enquanto o Snapchat milhões. Isso demonstra maior engajamento.

Um estudo feito agora em 2016 demonstrou que as pessoas conhecem mais o Snapchat do que o LinkedIn e o Twitter.

Tirando o fato de que influenciadores costumam mudar de plataforma sempre que surge uma novidade, para ganhar espaço e depois abandonar, o Snapchat vem crescendo de forma consistente e foi lançado em 2011.

Dados não oficiais apontam que o Snapchat já tem 9 milhões de usuários ativos por dia no Brasil, o que coloca nosso país no TOP 3 de usuários da rede.

Nesse artigo vou apresentar tanto as opções pagas de anúncio, quanto dicas para quem quer usar o Snapchat para Marketing de forma orgânica (sem pagar por mídia dentro da rede social).

Público do Snapchat: quem usa a rede social?

Muitas das marcas e pessoas com as quais converso acreditam que o Snapchat seja somente para jovens.

Primeiro, lembremos que jovens também são influenciadores de decisões.

Mas tirando isso, os dados podem ser vistos de duas formas:

  1. 60% da base de usuários do Snapchat nos EUA tem de 13 a 24 anos
  2. 40% da base de usuários do Snapchat nos EUA tem 25 anos ou mais

Snapchat tem audiência jovem

Ainda não vi pesquisas estatisticamente relevantes sobre o perfil da base de usuários no Brasil, mas vamos supor que seja similar.

Cabe a quem trabalha com marketing entender que esses 40% são um percentual bem relevante, em se tratando de uma base tão significativa.

Se você tem um público-alvo jovem, vai encontra-los lá. Se possui um público mais maduro, também vai, só que em uma escala menor.

Marketing no Snapchat: formatos de anúncios disponíveis

Com tamanha adesão nada mais natural do que o Snapchat ter começado a buscar modelos de monetização.

Em 2014 o Snapchat colocou o primeiro anúncio pago na rede social, feito pela Samsung, no “Our Stories” do próprio Snapchat.

Desde então os formatos vêm evoluindo e atualmente o Snapchat apresenta  3 formatos oficiais para se fazer marketing no Snapchat, segundo a sua página sobre “Ads” (anúncios).

Uma novidade recente é que em Outubro de 2016, quando escrevo esse artigo, o Snapchat passou a ter representação comercial no Brasil, através de uma parceria com a IMS, que na prática vem vendendo anúncios para a rede social por aqui desde Agosto.

Snap ads: anúncios de vídeo no Snapchat

O formato mais tradicional de anúncio do Snapchat é um anúncio de vídeo vertical (o formato de vídeo mais usado na plataforma), que é apresentado no contexto dos snaps que o usuário está visualizando.

Exemplos de Snapchat Ads

Exemplos de Snap Ads, do Snapchat

Como falei anteriormente, o Snapchat é um gigante quando o assunto é engajamento: esse formato de anúncio tem 5x mais interação do que formatos similares em outras plataformas. E como se dá essa interação?

O snap ad tem 10 segundos de vídeo vertical full screen a princípio, mas o usuário tem a opção de dar um swipe para cima para interagir.

Ao dar o swipe para cima ele pode ver um vídeo mais longo, um artigo, um anúncio de instalação de um app ou ainda um site mobile.

Em resumo anunciar via Snap Ads é ter um anúncio em formato de snap. O comportamento é o mesmo dos snaps que os usuários estão acostumados a ver, bem como a forma de interação (swipe up).

Sponsored geofilters: filtros geográficos do Snapchat

Geofilter do Ibirapuera no SnapchatQuem é usuário do Snapchat sabe que dependendo da localização geográfica em que ele está, a rede apresenta filtros relacionados.

Se eu estiver na praia de Ipanema, no Rio de Janeiro, e quiser publicar um snap eu posso adicionar um filtro daquela região.

Enquanto escrevo esse artigo, estou próxima ao Parque do Ibirapuera, em São Paulo, e tenho como uma das opções um filtro da região.

Deu para entender a lógica, certo? E dá para sacar que os Snapchatters (usuários do Snapchat) sempre procuram ver quais os filtros estão disponíveis, justamente pelo fator novidade e para dar contexto aos seus Snaps.

Os sponsored geofilters são um formato de mídia dentro do Snapchat que permitem que a marca defina uma região em que deseja tornar seu filtro disponível.

Imagine que sua marca está patrocinando um evento como um show ou um jogo esportivo. Ou ainda que ela está presente em tais shoppings, ou apoia tais parques ou áreas públicas.

Exemplos de Sponsored Geofilters

Exemplos de Sponsored Geofilters, do Snapchat

Agora um número surpreendente, segundo dados do próprio Snapchat, é que um sponsored geofilter (filtro geográfico patrocinado) exibido nacionalmente nos EUA alcança 40 a 60% dos usuários diários da rede.

Agora volta lá em cima nos dados de usuários ativos. Impressionante, não?

Sponsored lenses: o formato mais interativo de anúncio do Snapchat

Para quem não está familiar com o Snapchat, pode não entender bem o conceito de “lente”, então vou começar explicando o que são as lentes do Snapchat.

As Snapchat lentes também são chamadas de “face swaps” pelo público usuário da rede social.

Lentes são espécies de filtros interativos. Ao clicar e segurar a tela em seu rosto, o Snapchat apresenta opções que “brincam” com você e que dependem da sua interação, como por exemplo piscar, colocar a língua para fora, abrir a boca etc.

É como se você estivesse adicionando efeitos especiais em seu vídeo.

Para facilitar ainda mais a explicação, segue um vídeo falando de uma ação patrocinada que a NFL fez, em que os usuários podiam vestir um capacete de futebol americano através de uma Sponsored Lens.

Trata-se de uma ativação de marca poderosa, e em média os usuários do Snapchat brincam com uma lente patrocinada por 20 segundos.

Marcas que já fizeram ações de mídia paga no Snapchat

São muitas as marcas que já fizeram ações de mídia no Snapchat. Vou destacar apenas algumas.

Do segmento de bebidas destaco a Coca-Cola, Gatorade e ShockTop (de cerveja).

Marcas de roupa como Vans e Lilly Pulitzer e de cosméticos como bareMinerals.

No segmento de tecnologia temos Spotify e Samsung.

Uma ação paga feita pela Taco Bell, rede americana de comida fast food, resultou em mais de 224 milhões de views. A escolha da marca foi uma “sponsored lens” com o tema “5 de Mayo”

Marketing no Snapchat: de forma orgânica

Tudo muito legal mas…não sou uma grande marca e não tenho dinheiro! Tudo bem, tudo bem. Lembrem-se que eu venho do mundo de startups, onde a grana é curta e fazemos acontecer sem investimento (ou com muito pouco).

Você sabia que 21% do tráfego mensal da famosa Buzzfeed vem do Snapchat? Isso demonstra que a rede social tem sim força de atrair tráfego. Sendo justa, outros 27% do tráfego deles vêm de vídeos no Facebook mas de novo: vamos olhar as proporções de bases.

Marketing no Snapchat: entendendo o formato

Como em toda rede social, você precisa entender o público e como fazem uso da plataforma. Você não quer parecer um ET no mundo do Fantasminha, certo?

O Snapchat é composto em sua maior parte por vídeos (mais do que por imagem) e o foco da rede está na coleta do conteúdo.

Deixa eu explicar isso: a coleta é o ato de coletar de fato as imagens / vídeos e como exibí-las (filtros, escritos e assim por diante).

Já em redes sociais como o Instagram o foco é na exibição do conteúdo (formato de feed).

Os snaps só ficam disponíveis por 24 horas, então aqui não é o local de tentar fazer a foto ou o vídeo perfeitos e sim: os mais eficientes e com potencial de engajamento.

Um snap tem um tempo máximo de 10 segundos de duração. Claro que você pode gravar e postar vários vídeos na sequência, mas cada um dura esse período.

Isso é relevante do ponto de vista da sua marca porque seus seguidores não vão esperar ver vídeos gigantescos, sem fins e totalmente produzidos. Eles vão esperar uma comunicação mais direta, original e aberta também a falhas.

Pense que sim, você pode fazer conteúdo de qualidade, mas também dar um toque real e ter snaps com falhas, risadas, sua equipe interagindo e assim por diante.

Marketing no Snapchat: idéias de conteúdo

Agora que você já sabe como o Snapchat funciona e que você precisa criar um conteúdo alinhado para que sua estratégia dê certo, vamos a algumas idéias de conteúdo que você pode postar no Snapchat da sua marca.

Bastidores: seja real

O Snapchat é real, ele é para postar sem tanta preocupação e por isso tem uma adesão tão grande.

Se você tem uma loja de roupas, mostre o processo de criação de novas peças, detalhes sobre a produção e assim por diante.

Se você vende consultoria de coaching, por que não mostrar como é a sua sala, como você se prepara para as sessões com clientes e assim por diante?

Um programa de TV poderia mostrar o que acontece por trás das câmeras. Já um blog, como é o setup do home office e como planeja o conteúdo.

Perguntas e respostas: o que o público quer?

Dentro do Snapchat o público pode responder aos seus Snaps, através da função de chat (basta dar um swipe para a direita a partir da tela inicial) e interagir com você.

Eles podem tanto enviar texto quanto também enviar vídeos e isso ajuda bastante na comunicação.

Dentre as postagens, faça algumas de perguntas e respostas. Quando ainda tiver poucos seguidores interagindo você pode começar com as perguntas mais comuns que já recebe normalmente.

Com o tempo, peça para que eles enviem perguntas para você responder ali na hora. Isso é garantia de cobrir os assuntos que seu target deseja e assim conseguir ainda mais resultados com o seu Snapchat marketing.

Aproximação com público mais fiel

Quando já tiver um público mais fiel dentro do Snapchat, considere enviar Snaps pessoais para eles, interações únicas.

Para quem não sabe, além de postar para todos os seguidores verem, é possível selecionar uma (ou mais) pessoas especificamente para as quais você gostaria que o snap seja enviado.

Se conseguir que um influenciador te siga, melhor ainda! Fale com ele diretamente e crie uma relação ainda mais próxima.

A idéia aqui é que seu público mais próximo se sinta recompensado por ter uma relação com você.

Inclua links em seus Snaps e ofereça oportunidades únicas

Você não pode adicionar um link clicável em Snaps, assim como ocorre no Instagram, que também não o permite.

Na verdade você pode, através dos formatos de anúncios pagos mencionados anteriormente.

Mas você pode escrever na tela, sobre a imagem ou vídeo que estiver publicando.

Minha dica aqui é que você ofereça oportunidades únicas para seus seguidores do Snapchat, e coloque na tela o link para o qual devem ir caso queiram aproveitar a vantagem.

Você pode oferecer descontos ou itens limitados, por exemplo.

Crie os links de forma que eles sejam curtos e fáceis de memorizar, porque na prática o usuário terá que abrir uma janela de navegação para acessar.

Faça lançamentos no Snapchat

Suponha que você tem um novo produto ou serviço a ser lançado. Avise aos seus clientes e prospects que os seguidores da sua conta no Snapchat poderão ver em primeira mão o produto ou saber sobre o serviço.

Mencione quando irá falar a respeito por lá (preferencialmente no mesmo dia, para gerar urgência de que comecem a te seguir).

Como crescer seguidores no Snapchat

Todo o esforço anterior não vai valer se você não tiver seguidores, não é mesmo?

O Snapchat permite que usuários sejam adicionados de algumas formas: através da agenda do celular, buscando pelo nome de usuário, através do QR snapcode e agora também (novidade de 2016) através de um link direto.

O QR snapcode é o código QR especial do Snapchat, que identifica um usuário. Quando alguém vê um snap code, pode abrir o app, clicar no fantasminha e apontar para esse código, para ir direto a adição desse usuário.

  1. Aproveite as vantagens exclusivas que criou, conforme recomendação anterior, e avise aos seus usuários através dos seus outros meios de comunicação que você tem novidades e oportunidades exclusivas para seus seguidores do Snapchat;
  2. Coloque seu snapcode como a foto oficial das suas outras redes sociais, como Facebook, Twitter e Instagram;

    Mashable usando seu Snap Code no Twitter

    Mashable usando seu Snap Code como foto de perfil do Twitter

  3. Adicione seu snapcode ao seu site e aos e-mail marketings enviados pela sua marca;
  4. Divulgue o link direto de adição do seu Snapchat. O formato será http://www.snapchat.com/add/SEUNOMEDEUSUARIO (onde coloquei “SEUNOMEDEUSUARIO” substitua pelo seu nome de usuário);
  5. Faça parcerias com quem já tem uma grande base de seguidores: entre em contato e sugira que publiquem Snaps sobre sua marca. Aqueles que possuem maiores seguidores cobrarão por isso, mas em geral você pode conseguir fazer uma troca, oferecendo sua audiência em outra rede, por exemplo.

Métricas de Marketing no Snapchat

Todo bom marketing digital deve ser mensurado e o marketing no Snapchat não é diferente: você precisa saber se está dando resultado, antes de continuar investindo mais recursos (tempo também é recurso).

As métricas que recomendo que você acompanhe diariamente como parte da sua estratégia de marketing no Snapchat são:

  1. Quantidade de seguidores;
  2. Quantidade de visualizações de cada snap;
  3. Número de screenshots tirados (o Snapchat te avisa quando alguém tira um screenshot da tela): provavelmente os usuários vão tirar screenshots dos Snaps mais relevantes, te indicando que esse tipo de conteúdo vale a pena;
  4. Número de usuários únicos que viram seu snap;
  5. Compare os views dos snaps iniciais x sequência: isso vai te ajudar a entender se os seguidores estão vendo sua história completa ou se estão vendo os primeiros snaps e perdendo o interesse em seguir, o que te apoiaria numa mudança de estratégia de conteúdo;
  6. Usuários que mais assistem: repare aqueles usuários que sempre assistem aos seus Snaps, são candidatos a Snaps pessoais e a te ajudar a promover a marca;
  7. Usuários que mais interagem: aqueles que te enviam perguntas, que respondem aos seus snaps e assim por diante com certeza merecem uma atenção especial.

O Snapchat ainda não tem uma ferramenta de analytics disponível abertamente, até o momento em que escrevo esse artigo, mas seria muito útil no futuro do ponto de vista de uso por marcas e profissionais de marketing.

Conclusão sobre Marketing no Snapchat

Como todo tipo de marketing digital, o marketing no Snapchat também exige dedicação e estratégia.

Você deve pensar o conteúdo editorial que irá postar e lembrar que a rede é super dinâmica e exige sua presença constante para fazer sentido, visto que o conteúdo desaparece em 24 horas.

Definitivamente não é para todo mundo, principalmente se você tem pouco braço para executar sua estratégia e já possui diversas redes sociais para gerenciar.

Mas, quando bem feito, esse tipo de marketing digital pode trazer excelentes resultados, como já destaquei apontando as altíssimas taxas de engajamento.

Se você já teve experiências fazendo marketing no Snapchat, deixe um comentário abaixo para aprendermos ainda mais a respeito juntos!

Discussão

  1. andre
  2. Robson

Deixe uma Resposta