Janela sendo tomada por planta

Instagram Stories e Snapchat: quem leva a melhor?

Essa semana o Instagram (de propriedade do Facebook) lançou o Instagram Stories: uma nova feature que permite a publicação de imagens e vídeos que se apagam 24 horas depois. Quem será que leva a melhor?

O lançamento do Instagram é uma resposta direta ao crescimento do Snapchat que, diga-se de passagem, teve tentativa de compra do Facebook em Novembro de 2013 por US$3 bilhões segundo relatos, valor considerado baixo pelos fundadores do app.

O que você precisa saber sobre o Snapchat

O Snapchat possui 10 bilhões de visualizações diárias de vídeos e 100 milhões de usuários ativos por dia. O Instagram tem 300 milhões de usuários ativos por dia e mais de 500 milhões de usuários totais na rede, sendo que 91% das postagens são de fotos ao invés de vídeos.

Uma característica relevante do Snapchat é que ele não é somente mobile-first e se enquadra sim em outro conceito: o de autenticamente mobile. Isso significa que ele não é só feito para o mundo mobile mas não existiria sem que os dispositivos mobile existissem, porque faz uso de suas capacidades de forma necessária a sua existência.

Aqui é preciso uma análise mais profunda para explicar as características de algo autenticamente mobile e de algo mobile first, mas vou falar de apenas sobre um ponto por agora: o Snapchat tem foco maior na coleção (o uso da câmera para captar e adaptar conteúdo), enquanto o Instagram tem foco maior na apresentação (seguindo o formato de feed, que já veio do desktop).

As postagens no Snapchat são chamadas carinhosamente de “snaps” e existe, no Instagram, o uso de hashtags reservadas a postagens de conteúdos vindos do Snapchat, tamanha a adesão: #snapsave.

Os primeiros comentários da rede

Observei os primeiros comentários das contas que sigo no Instagram e listo aqui algumas das primeiras reações as quais tive acesso:

– Como chamaremos as postagens aqui?

– Cadê os catiorros? (um dos mais populares Face swaps do Snapchat é um filtro que te transforma em cachorrinho com direito a lambida e tudo)

– Logo agora que eu estava aprendendo a usar Snapchat?

– Cadê os filtros?

– Que bom que poderei conversar com todos os seguidores por aqui!

Em linhas gerais os comentários foram mais positivos do que negativos. É legal observar que mesmo com celulares cada vez mais avançados, ter um app a mais, gastando mais bateria, mais rede e assim por diante, não é a escolha primária da maior parte das pessoas e a união da possibilidade de interações rápidas, mais despreocupadas, que se apagam em 24 horas, com um app que já é presente na sua vida acaba sendo visto como vantagem.

Quem vai levar a melhor: Instagram Stories ou Snapchat?

Eu poderia falar bem mais sobre esse assunto, mas a proposta dessa coluna é trazer um entendimento bem prático, então vou me conter. E eu adoraria ter uma bola de cristal, mas só consigo me basear nos indícios do que está acontecendo até agora. Vamos lá!

Uma parcela considerável dos usuários do Snapchat afirma que usa o app porque seus pais não o utilizam (30%): esse pode ser um ponto negativo para o Instagram que tem, até agora, um público mais diverso. Ainda sim, o Instagram tem uma audiência bem mais jovem que a do Facebook, por exemplo, e tem condições de brigar por espaço também junto a esse público.

A falta de “Face swaps” (filtros avançados interativos do Snapchat) ainda é uma desvantagem para o Instagram Stories e o Snapchat vem se mostrando inovador e capaz, desde o seu lançamento em Setembro de 2011 até hoje.

Até o momento as desvantagens da rede controlada pelo Facebook param por aí. Vamos a uma pequena listas de motivos pelos quais me parece que o Instagram Stories será um sucesso, mesmo que não substitua por completo o Snapchat:

1.Acredito que alguma espécie de Face swaps será adicionada pelo Facebook e criatividade e capacidade técnica não faltam para a empresa de Zuckerberg.

2.O Instagram tem uma base de usuário sólida, que gosta da linguagem visual e audiovisual, e que está bem habituada a experiência de uso do app, menos uma barreira de entrada.

3. O Instagram tem uma adesão de uso mais diversa e massiva, atingindo diferentes faixas etárias e perfis de uso.

4. As grandes contas do Instagram possuem milhões de seguidores. Mesmo que essas contas estejam tendo sucesso no Snapchat fará total sentido utilizarem a base já conquistada no Insta: ninguém quer perder audiência já construída e engajada;

5. A quantidade de usuários que segue marcas e interage com estilo de vida de uma forma geral no Instagram é imensa. Essa é uma oportunidade muito mais natural e intuitiva para que os usuários tenham interações com marcas, celebridades e assim por diante, algo que vem sendo introduzido ao Snapchat, mas que acredito será mais natural no Instagram Stories.

E aí, qual será sua estratégia de uso do Instagram Stories?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.