Livros

Por um mundo com mais livrarias e menos lojas de fast food

NY é uma cidade que amo e que tento visitar com a frequência possível. Uma das coisas que curto muito na cidade é a quantidade de livrarias, tanto de redes grandes quanto independentes: livrarias gerais, livrarias especializadas, livros novos e usados, edições de colecionadores e assim por diante.

Fiquei triste em ver menos livrarias dessa vez. Estou cada vez mais vendo Subways, Starbucks e outras (e não me entendam mal, não tenho nada contra essas marcas e faço bom uso das lojas, produtos e serviços prestados) e menos livrarias. Para mim, isso acaba tirando um pouco parte do que gosto nessa cidade: a cultura e calma em meio ao caos.

Livraria Strand, em NY, por dentro
Essa é uma foto que tirei ontem na Livraria Strand, em Nova Iorque.

 

 

E você? Acha que livros ainda possuem espaço no mundo?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.